Esclarecimentos sobre os novos calendários acadêmicos 2016 e 2017

Devido às greves houve um desalinhamento entre o calendário acadêmico e o ano civil, sendo este o principal objetivo da proposta apresentada nos novos calendários. O ano acadêmico de 2016 está iniciando no final de setembro de 2016, atrasando e inviabilizando o ingresso de novos alunos dos cursos integrados no IFS. Ocorre que após a realização de algumas reuniões foi instituída uma comissão que apresentou uma proposta ao Colégio de Dirigentes e, este, por sua vez, por sugestão da PROEN resolveu antecipar a proposta da Comissão para que fosse aplicada já no início de 2017 em vez de 2018, assim delineada:

Calendário dos cursos Superiores e Técnicos Subsequentes:

Todos os semestres dos cursos Superiores e Técnicos Subsequentes referentes ao semestre letivo de 2016/1 iniciarão em setembro, no dia 19/09/2016 para os Campi Lagarto, Estância, Propriá, Tobias Barreto e no dia 26/09/2016 para os Campi Aracaju e São Cristóvão.

O semestre letivo de 2016/1 será encerrado em fevereiro de 2017 e o semestre letivo 2017/1 iniciará em março de 2017, assim sendo, o próximo processo seletivo será para o semestre letivo 2017/1, visto que o ano civil de 2016 já terá terminado. Dessa forma, regularizaremos a oferta do semestre letivo dentro do ano civil para os cursos Superiores e Técnicos Subsequentes.

Relativo aos campi Glória e Itabaiana não seguirão os novos calendários por estarem mais aproximados do ano civil e, caso necessário, os ajustes serão realizados no próximo exercício.

Calendário dos cursos Integrados:

O ano letivo de 2016 para os estudantes dos 2º e 3º anos dos cursos técnicos de nível Médio Integrados iniciará em setembro, no dia 19/09/2016 para os Campi Lagarto e Estância e no dia 26/09/2016 para os Campi Aracaju e São Cristóvão. Apenas os 1º anos dos cursos técnicos Integrados iniciarão as aulas no dia 02/01/2017.

Esse ajuste deve-se ao fato de que o início do ano letivo no final do ano civil prejudicaria os estudantes que já concluíram o 9º ano, tendo em vista que os mesmos ficariam sem estudar aguardando quase 10 meses para iniciar as aulas, e faz com que os estudantes que estão prestes a concluir o 9º ano não consigam ingressar no Instituto por falta do Certificado de Conclusão do Ensino Fundamental. Há de se mencionar que em todas as situações poderão ocorrer perdas, no entanto, a proposta apresentada foi mais viável com menores prejuízos aos estudantes.

Vantagens do alinhamento do calendário acadêmico ao ano civil

O calendário acadêmico iniciando alinhado ao ano civil facilita o ingresso de alunos, pois os mesmos concluem o 9º ano no final do exercício e podem dar continuidade imediatamente aos estudos.

O inicio do ano acadêmico dentro do ano civil contribui para a redução da evasão, facilitando o ingresso e não atrasando a saída do estudante.

O calendário acadêmico de todos os campi do IFS alinhados facilita a transferência interna de alunos.

Será evitada a inclusão de sábados letivos para os alunos dos cursos integrados.