Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Aracaju > Alunos conquistam ouro e prata em olimpíada brasileira
Início do conteúdo da página
MATEMÁTICA

Alunos conquistam ouro e prata em olimpíada brasileira

Escrito por MARINEIDE BONFIM BASTOS | Criado: Terça, 10 de Dezembro de 2019, 10h10 | Publicado: Terça, 10 de Dezembro de 2019, 10h10 | Última atualização em Terça, 10 de Dezembro de 2019, 10h17

Outros oito estudantes receberam certificado de menção honrosa como premiação

DSC 0038 bCom uma medalha de ouro, uma de prata e oito menções honrosas, o Instuto Federal de Sergipe, campus Aracaju, encerrou sua participação na 15ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas. Aos 17 anos, o aluno do 2º ano do curso técnico integrado em Química, Daniel Lopes Toso, ganhou a única medalha de ouro de Sergipe na OBMEP 2019. Já Claudio Valdez Ribeiro (17), estudante do segundo ano do curso técnico integrado em Eletrônica, trouxe medalha de prata.DSC 0018 b

A delegação do IFS - campus Aracaju competiu no nível 3, categoria destinada aos estudantes matriculados em qualquer série do ensino médio. Sergipe terminou a competição com uma medalha de ouro; três de prata (duas conquistadas por alunos de escola pública, nos níveis 1 e 3, e outra por estudante de escola privada, no nível 1); 62 medalhas de bronze ( 60 conquistadas por alunos de escolas públicas nos níveis 1, 2 e 3 e duas de escolas privadas, nos níveis 1 e 3) e 131 menções honrosas , sendo 91 trazidas por alunos de escolas públicas e 40 de escolas particulares.

Os oito estudantes do IFS - campus Aracaju que receberam menção honrosa são: Ana Clara Gomes do Espírito Santo, Camille Vitória de Jesus Porto, Jennyfer Sthefany Santos Souza, João Marcelo de Andrade Gregório, Johnatas Oliveira Concercio Santos, Lucas Andrade Cruz, Rosália Sobral Costa Neta e Silas Satiro Sobral Maia.

OBMEP 2019A lista dos premiados foi divulgada no dia 3 de dezembro. Cerca de um milhão de alunos de escolas públicas e privadas de todo o Brasil participaram da prova da segunda etapa da OBMEP , em 28 de setembro. Em 2019, a maior olimpíada de Matemática do mundo teve 54.831 escolas participantes, localizadas em 99,71% dos municípios brasileiros, superando o número de instituições inscritas no ano anterior (54.498). A prova da primeira fase, realizada em maio, foi feita por 18.158.775 de estudantes.

Criada em 2005, a OBMEP é uma realização do IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada), com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC). São objetivos da OBMEP estimular e promover o estudo da matemática no Brasil; contribuir para a melhoria da qualidade da educação básica, possibilitando que o maior número de alunos brasileiros possa ter acesso a material didático de qualidade; promover a difusão da cultura matemática e identificar jovens talentos e incentivar seu ingresso em universidades nas áreas científicas e tecnológicas.

MEDALHISTAS

Este ano, em setembro, Daniel Toso conquistou medalha de ouro na 22ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, OBA 2019, evento promovido anualmente pela Sociedade Astrônomica Brasileira (S.A.B) e a Agência Espacial Brasileira (A.E.B), com apoio do Cnpq ( Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Daniel e Claudio Ribeiro também ganharam medalha de prata na 2ª Olimpíada da Matemática dos Institutos Federais( OMIF), competindo com cerca de 280 estudantes da rede federal de 158 campi do país.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página