Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Aracaju > Aluno do IFS Aracaju conquista ouro em olimpíada brasileira
Início do conteúdo da página
INFORMÁTICA

Aluno do IFS Aracaju conquista ouro em olimpíada brasileira

Escrito por MARINEIDE BONFIM BASTOS | Criado: Sexta, 18 de Dezembro de 2020, 17h54 | Publicado: Sexta, 18 de Dezembro de 2020, 17h54 | Última atualização em Sexta, 18 de Dezembro de 2020, 18h03

OBI é organizada pelo Instituto de Computação da Universidade Estadual de Campinas, Unicamp

5dc607c3 3819 4dd7 b9ea 4950454a51e2Luiz Fernando Batista Morato, de 17 anos, estudante do 3º ano do curso técnico em Informática, integrado ao ensino médio, do Instituto Federal de Sergipe, campus Aracaju, ganhou medalha de ouro, após vencer na etapa nacional da Olimpíada Brasileira de Informática, modalidade Programação nível 2. Devido à pandemia de Covid-19, as provas excepcionalmente foram todas online. Os resultados finais da OBI 2020 foram divulgados nesta sexta-feira (18) pela comissão organizadora do evento.

Essa foi a única medalha de ouro conquistada por Sergipe no evento que reuniu estudantes de escolas públicas e particulares de todo o país. Luiz Fernando atribui o desempenho à dedicação aos estudos. “Estava bastante confiante porque me preparei muito”, afirma. No início dos estudos, ele recebeu orientações dos amigos Lucas Lopes de Souza e João Vitor Ribeiro Viana, alunos do curso de Ciência da Computação da Universidade Federal de Sergipe. “Reconheço que a direção que eles deram foi importante para que eu tivesse motivação e continuasse estudando”.

Realizada anualmente pela Sociedade Brasileira de Computação (SBC), a OBI é uma competição organizada nos moldes das outras olimpíadas científicas brasileiras, como Matemática, Física e Astronomia. O objetivo é despertar nos alunos o interesse por uma ciência importante na formação básica hoje em dia (no caso, ciência da computação), através de uma atividade que envolve desafio, engenhosidade e uma saudável dose de competição. A organização da OBI está cargo do Instituto de Computação da Universidade Estadual de Campinas, Unicamp.

A PROVA

A OBI está organizada em duas modalidades, denominadas Iniciação e Programação, e cada modalidade é dividida em níveis. Na Modalidade Programação a prova exige conhecimento em programação; é composta de tarefas de programação com níveis variados de dificuldade: há tarefas mais fáceis, em que um conhecimento mínimo de programação é suficiente, e algumas tarefas mais difíceis, que exigem um conhecimento um pouco mais avançado de programação, com noções de estruturas de dados, algoritmos e técnicas de programação.

Luiz Fernando fez a prova da primeira etapa nos dias 15 e 15 de junho. A segunda fase aconteceu no dia 24 de outubro e a terceira etapa, em 28 de novembro. O diretor-geral do IFS campus Aracaju, professor Elber Gama, parabenizou o estudante pelo bom desempenho na competição. “Mais um resultado que nos enche de orgulho”, disse.

*com informações da OBI

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página