Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > São Cristóvão > Estudante de Agropecuária produz e gera renda
Início do conteúdo da página
AGRONEGÓCIO

Estudante de Agropecuária produz e gera renda

Criado: Sexta, 08 de Dezembro de 2017, 16h28 | Publicado: Segunda, 11 de Dezembro de 2017, 07h30 | Última atualização em Segunda, 06 de Agosto de 2018, 16h56
Pouco investimento inicial, muito trabalho, mas retorno garantido.
1Estudante do curso subsequente de Agropecuária, do Campus São Cristóvão, percebeu na área uma oportunidade transformadora, investiu verba e esforços e obteve resultado positivo. João Paulo Ferreira utilizou as técnicas aprendidas em sala de aula para produzir hortaliças em uma propriedade rural da sua família e gerar renda. 
 
Visionário, antes de iniciar o processo de semeadura, o estudante solicitou orientações ao professor e engenheiro agrônomo, Márcio Trindade. Conforme o docente, foi realizada uma visita técnica com os colegas da turma de João, onde planejaram e iniciaram as ações práticas. 
 
Agro 3Na propriedade, com uma área plantada por volta de 0,13 hectares, há, predominantemente, plantio de hortaliças como alfaces, coentro, vagem, cebolinha, salsa, brócolis, rúcula, alho-poró, além de quiabo. “Eu me interessei por hortaliças folhosas por causa da aceitação do clima sobre o solo”, explica o estudante.  
 
Com elevado valor nutritivo, sabor e aroma intensos, os produtos orgânicos têm um valor de mercado diferenciado. Percebeu, logo no início das atividades, o resultado do investimento em produtos saudáveis. “Não uso agrotóxicos ou agentes químicos”, afirma.  Conforme o produtor, suas mercadorias foram comercializadas, desde o princípio, como agroecológicos. Não pode ser classificado como orgânico, pois, ainda, está em busca da certificação. Contudo, o valor do produto é distinto. “As pessoas observam a qualidade do produto”, pondera. 
 
DSC00135O investimento inicial foi mínimo e utilizado na aquisição de um sistema de irrigação. No terreno existem poço artesiano e bomba, tornando a água farta. As primeiras mudas foram fornecidas por Luciano Santana, servidor do Campus. Com planejamento adequado, o estudante garantiu rápido retorno financeiro e novos investimentos. "A localização da propriedade, de fácil escoamento, as condições naturais favoráveis, bem como o DSC00110conhecimento técnico são indicadores positivos que corroboram com o sucesso da produção", esclarece Márcio. 
 
As hortaliças produzidas estão disponíveis nas feiras do Eduardo Gomes e São Cristóvão. “O curso de Agropecuária é um leque. Eu me apaixonei pela olericultura. É preciso ter força de vontade”, destaca. 
 
registrado em: ,
Assunto(s): AGRONEGÓCIO
Fim do conteúdo da página