Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Glória > Campus Glória forma primeira turma de Tecnólogos em Laticínios de Sergipe
Início do conteúdo da página

Campus Glória forma primeira turma de Tecnólogos em Laticínios de Sergipe

Criado: Quarta, 11 de Janeiro de 2017, 18h07 | Publicado: Segunda, 13 de Abril de 2015, 14h57 | Última atualização em Quarta, 11 de Janeiro de 2017, 18h07
JuramentoO Instituto Federal de Sergipe (IFS) formou, através do campus Glória, sua primeira turma do curso superior de Tecnologia em Laticínios – também a pioneira no estado de Sergipe. A cerimônia de formatura aconteceu na noite de sexta-feira, 10, no espaço do Colégio Padre Leon Gregório, na cidade de Nossa Senhora da Glória.

Euforia e orgulho marcaram a solenidade de entrega dos diplomas, que contou com a presença de parentes e amigos dos alunos, além de servidores e professores do Instituto. O magnífico reitor do Instituto Federal de Sergipe foi representado pela pró-reitora de Pesquisa e Extensão, Ruth Sales, e, também, pelo diretor-geral do campus Glória, Daniel Henrique Rodrigues.
 
Mesa diretivaO coordenador do curso, Igor Reis, não esconde a felicidade de ver esta turma formada. “Estou muito satisfeito e feliz pela formatura dos alunos, pois sela os anos de estudos e registra a superação dos alunos do IFS aos exames que lhes comprovam a dotação de conhecimento específico, o que lhes qualificam e profissionalizam”, avalia Igor.
 
Os tecnólogos em laticínios recém-formados têm uma carreira promissora pela frente, com boa recepção em indústrias do Nordeste e do país inteiro. Entre os alunos formados, a jovem Tatiane Andrade afirma que gostou muito de ter obtido conhecimento na área de laticínios. “Para mim, como também para a região, não poderia ser melhor, afinal, a primeira turma formada no estado é de extrema importância, para suprir as exigências das empresas locais”, analisa a tecnóloga, em referência ao famoso potencial produtivo da cidade de Glória, principal bacia leiteira do estado.
 
Discurso aos formandos e convidados“Acreditamos que esses tecnólogos, pelo perfil de formação que possuem, contribuirão significativamente para o desenvolvimento dos processos de produção e fabricação de produtos derivados do leite, resultando no desenvolvimento econômico desta região”, comenta Daniel Rodrigues, reforçando ainda a lembrança de que “essa é somente a primeira turma do IFS e do estado de Sergipe, dentre tantas outras que virão”.
 
SOBRE A PROFISSÃO
 
O tecnólogo em laticínios é o profissional formado em curso superior de tecnologia em laticínios, na área de beneficiamento e industrialização do leite. Esse profissional é quem planeja, elabora, gerencia, implanta e mantém os processos relacionados ao beneficiamento, industrialização e conservação do leite e de seus derivados (manteiga, queijos, iogurtes, sorvetes, leite em pó, etc.), desde a ordenha, passando pelo recebimento da matéria-prima até o controle da qualidade e distribuição do produto final.
 
Também é de responsabilidade desse profissional supervisionar e coordenar as várias fases dos processos de industrialização, empregando métodos, equipamentos e tecnologias mais apropriados para cada processo. Além disso, ele deverá monitorar a manutenção de equipamentos, zelar pelo cumprimento das normas sanitárias e dos padrões de qualidade da marca e gerenciar a logística de distribuição, estocagem.
 
Esse profissional poderá atuar como consultor técnico de micros e grandes indústrias, em institutos de pesquisas científicas e tecnológicas na área, laboratórios especializados em conservação de alimentos, também como pesquisador ou professor universitário, em instituições de ensino superior, como inspetor sanitário, dentre outros.
 
registrado em: ,
Fim do conteúdo da página