Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Parceria com Hemose incentiva o aumento de números de doadores de Sangue e Medula óssea
Início do conteúdo da página
HEMOSE

Parceria com Hemose incentiva o aumento de números de doadores de Sangue e Medula óssea

Criado: Sexta, 14 de Junho de 2019, 11h23 | Publicado: Sexta, 14 de Junho de 2019, 11h23 | Última atualização em Sexta, 14 de Junho de 2019, 11h29

hemose 2O Dia Mundial do Doador Voluntário de Sangue é comemorado hoje, 14 de junho, com o objetivo principal de gerar incentivos à prática solidária e a conscientização sobre a sua importância. O IFS desenvolve ações durante o ano em todos os campi em prol da divulgação e fortalecimento desta causa.

Partindo do principio de cidadania, saúde e esclarecimento de dúvidas, a coordenadora de projetos da Diretoria de Assuntos Estudantis (DIAE) do Instituto Federal de Sergipe (IFS), Érika Gusmão, desenvolveu um projeto com o intuito de aumentar o número de doadores. No dia 19 de fevereiro de 2019 foi efetuada uma reunião com representantes das coordenadorias estudantis dos campi e membros do Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) para discutir formas de alcançar esse objetivo. “Infelizmente, a maioria das pessoas só entendem a relevância da doação quando precisa. Só quem esteve do outro lado é que entende como um gesto tão simples e rápido pode salvar vidas. A doação é uma atitude de empatia, amor e sem custo nenhum”, enfatiza a coordenadora.

A Lei nº 4087/99 de incentivo à doação de sangue garante isenção da taxa em concursos públicos estaduais para pessoas que doam duas vezes por ano. Após a doação de sangue, é gerada uma declaração que serve para apresentar no processo de isenção, mas é necessário buscar diretamente no local. Pensando na facilidade de acesso, a coordenadoria, em parceria com o Hemose, organiza essa documentação no próprio campus. “Muitos dos nossos estudantes têm capacidade para passar nesses processos seletivos, porém não o fazem devido aos custos. A ação ajuda na conscientização e impulsiona os alunos no mercado de trabalho”, explica Érika, que aponta a necessidade de cada campus enviar as listas de doadores para coordenação.

A campanha mais recente foi realizada pelo Campus Socorro no dia 7 de maio do presente ano. A caravana para o Hemose contou com 34 pessoas: trinta alunos, três técnicos e um docente. O coordenador de Assistência Estudantil do Campus Socorro, Lucas Santana Soares de Araújo, organizou a atividade solidária. “Antes das visitas para doação, foram promovidos dois encontros com representantes do Hemose no Campus Socorro para sanar as dúvidas dos alunos quanto à doação. Participar da campanha foi renovador, pois vi o desejo dos alunos em ajudar o próximo”, reconhece. As palestras de conscientização acontecem duas vezes por ano e todos os campi.

hemose 1O estudante de Agropecuária do Campus São Cristóvão, Pablo Ricardo Santos de Jesus, 19, participou da campanha de doação de sangue realizada pelo IFS em março de 2018. “Antigamente, eu tinha medo de doar sangue, mas fui incentivado pelos coordenadores sobre a importância, precauções e segurança da doação”, relata Pablo que doou pela primeira vez no ano passado.

Segundo a gerente de Ações e Estratégias do Hemose, Rozeli Dantas, a parceria com o IFS auxilia na divulgação das ações e também na manutenção dos estoques de todos os grupos sanguíneos, A, O, B e Ab, positivo e negativo. “Aproveitamos a data para convidar todos os doadores a se somar a essa causa, especialmente nesse período em que temos que preparar o estoque de segurança para os atendimentos decorrentes das festividades do São João e São Pedro”, destaca Rozeli Dantas.

 

Hemose

O Hemocentro de Sergipe conta com um cadastro de 168.119 voluntários que realizam no mínimo uma doação ao ano. A instituição atende 36 unidades, dentre hospitais e maternidades da rede pública e conveniada que efetua transfusão sanguínea. Conforme dados estatísticos essas unidades realizam uma média mensal de pouco mais de duas mil transfusões de sangue.

Para doar sangue é preciso está bem de saúde, ter idade entre 16 a 69 anos e peso acima de 50 quilos. No dia da doação o voluntário deve comparecer ao serviço bem alimentado, também é necessário na noite anterior à doação ter um repouso mínimo de seis horas, não ingerir bebidas alcoólicas nas ultimas doze horas, evitar fumar por pelo menos duas horas e apresentar documento oficial com foto, válido em todo território nacional.


sangueA coleta de sangue no Hemose funciona diariamente de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 17h, e aos sábados e feriados, das 8h às 12h. O Hemose está localizado na Avenida Variante 1, s/n, Bairro Capucho, no Centro Administrativo Governador Augusto Franco,  vizinho ao Hospital de Urgência de Sergipe – Huse.Mais detalhes sobre o serviço através dos telefones: (79) 3225-8000, 3225-8039 e 3259-3174.

registrado em:
Fim do conteúdo da página