Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Socorro > Feira de Ciências e Tecnologias expõe projetos desenvolvidos pelos alunos
Início do conteúdo da página
CAMPUS SOCORRO

Feira de Ciências e Tecnologias expõe projetos desenvolvidos pelos alunos

Criado: Quarta, 12 de Junho de 2019, 12h58 | Publicado: Quarta, 12 de Junho de 2019, 12h58 | Última atualização em Sexta, 14 de Junho de 2019, 08h18

Os resultados superaram todas as expectativas da equipe envolvida.

Feira 13 800 600O Campus Socorro realizou na última quarta-feira, 12, a sua I Feira de Ciências e Tecnologias, destinada a expor os projetos desenvolvidos pelos estudantes do Curso de Manutenção e Suporte em Informática. Além dos alunos do campus, também estiveram presentes os técnicos administrativos, professores e estudantes da Escola Municipal Nair Menezes Santos e da Escola Estadual Profissionalizante Neuzice Barreto.

O evento apresenta os resultados das experiências exitosas no tocante à realização de práticas interdisciplinares realizadas na unidade do IFS em Feira 4 escolapublica 800 600Socorro, onde o estudante é colocado como protagonista do seu processo de aprendizagem. Na concepção pedagógica do Campus Socorro, os professores, através das suas disciplinas, e a equipe pedagógica, responsável pelo acompanhamento das práticas formativas, orientam a realização de projetos que articulem conhecimentos de, pelo menos, três disciplinas que integram a matriz curricular do curso.

Para o Assessor Pedagógico do Campus Socorro, Adelson Fonseca, a relação entre as disciplinas técnicas que está sendo posta em prática amplia as possibilidades de aprendizagem do aluno da educação profissional. “A proposta em curso visa somar saberes e práticas que articulam atividades docentes numa ação coordenada e orientada para objetivos bem definidos. Sabemos exatamente quais competências queremos desenvolver quando as propostas dos projetos são apresentadas aos alunos”, disse o assessor.

Os ganhos dessa relação entre os conteúdos das disciplinas podem ser observados na qualidade dos projetos apresentados nesta primeira edição da feira. As atividades relacionaram temáticas que despertam o interesse pela produção científica não somente dos alunos do IFS, mas também, de crianças e jovens, a exemplo de semáforos inteligentes e o acionamento de uma cafeteira através do Twitter. 

Feira 5 escolapublica 800 600Nas palavras de José Pedro Gualberto Júnior, aluno do 2º módulo, a proposta do evento estimulou as turmas a buscarem superar os desafios passados pelos professores. “Tivemos que estudar e trabalhar muito para dar conta de finalizar o nosso projeto. Feira 20Foram muitas horas no laboratório, na biblioteca, em casa, para poder fazer funcionar o nosso semáforo inteligente. Utilizamos nele conhecimentos das disciplinas noções de  eletrônica, arquitetura de computadores e lógica de programação, além de outros aprendidos no decorrer do curso”, disse o aluno.

Na visão do docente Cleiton José Rodrigues dos Santos, coordenador da feira, os resultados alcançados superaram todas as expectativas da equipe envolvida. “Os trabalhos apresentados hoje tiveram ótima qualidade na sua execução. Tenho a sensação de dever cumprido como docente, pois os projetos integraram os conhecimentos de eletrônica e informática para a produção de sistemas automatizados”, finalizou o docente.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página