Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Cursos Superiores > Cursos > Superiores > Bacharelado em Engenharia Civil
Início do conteúdo da página

Bacharelado em Engenharia Civil

Escrito por Administrador | Publicado: Quarta, 30 de Novembro de 2016, 18h24 | Última atualização em Quarta, 31 de Maio de 2017, 11h25
graduação
Engenharia Civil
 

  Sobre o curso

DADOS GERAIS
1- Carga Horária: 3.825 horas
2- Regime: Semestral
3- Turnos de Oferta: Vespertino
4- Duração: 10 períodos/5 anos
5 -Forma de oferta: Bacharelado em Engenharia Civil
6 – Local de Oferta: Campus Aracaju
INFORMAÇÕES RELEVANTES
• Avaliação ENADE – 5
• Conceito do Curso – Avaliação MEC – 4
• 7º Melhor Curso de Engenharia Civil do País segundo avaliação do MEC

OBJETIVOS
a) OBJETIVO GERAL
Formar Engenheiros Civis, numa perspectiva humanística ampla, com uma sólida base científico-tecnológica que os credencie a enfrentar os desafios demandados pela contemporaneidade, numa perspectiva crítica e reflexiva.
b) OBJETIVOS ESPECÍFICOS
O curso de Engenharia Civil tem por finalidade possibilitar uma formação ao engenheiro que lhe permita desenvolver e aplicar os seguintes conhecimentos e saberes, requeridos ao exercício profissional:
• aplicar conhecimentos matemáticos, científicos, tecnológicos e instrumentais à engenharia civil;
• projetar e conduzir experimentos e interpretar resultados pertinentes à área;
• conceber, projetar e analisar sistemas, produtos e processos construtivos;
• planejar, supervisionar, elaborar e coordenar projetos e serviços de engenharia civil;
• identificar, formular e resolver problemas da área;
• desenvolver e/ou utilizar novas ferramentas e técnicas;
• supervisionar a operação e a manutenção de sistemas construtivos de edificações, estradas, transportes e saneamento, compatíveis com as habilitações legais normatizadas pelo sistema CONFEA/CREA;
• avaliar criticamente a operação e a manutenção de sistemas construtivos de edificações, estradas, transportes e saneamento, compatíveis com as habilitações legais normatizadas pelo sistema CONFEA/CREA;
• comunicar-se eficientemente nas formas escrita, oral e gráfica;
• atuar em equipes multidisciplinares da área;
• compreender e aplicar ética e responsavelmente os saberes profissionais;
• avaliar o impacto das atividades da engenharia civil no contexto social e ambiental;
• avaliar a viabilidade econômica de projetos da engenharia civil;
• assumir a postura de permanente busca de atualização profissional

PERFIL PROFISSIONAL DE CONCLUSÃO

A Engenharia Civil procura, a cada dia, o aumento da produtividade, da qualidade integrada durante a produção, da racionalização e inovação tecnológica construtiva e, sobretudo, incorporar os modernos sistemas de gestão e inovação tecnológica. É o binômio Gestão e Tecnologia que comanda a modernização dos sistemas construtivos de edificações, estradas, transportes e saneamento.
A Engenharia Civil moderna classifica as diversas etapas de um empreendimento em três fases de Gestão: a Gestão da Concepção, onde os estudos de viabilidade e os projetos são os objetos colimados; a Gestão da Produção, que trata especificamente do processo construtivo propriamente dito, e finalmente a fase da Gestão da Pós-Ocupação, que trata da retroalimentação de tudo que foi concebido na Gestão da Concepção e representa o fechamento do círculo PDCA tão característico dos sistemas de qualidade.
Assim sendo os empreendimentos da Engenharia Civil requer profissionais com perfis híbridos na tecnologia e gestão.

Campus Estância

O Campus Estância é fruto da segunda fase do Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, promovido desde 2005 pelo Governo Federal através do Ministério da Educação (MEC) e da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec). Em 2008 foi autorizada a construção de 150 novos campi pelo país, dentre os quais o do município de Estância, na região Sul de Sergipe.

A criação do Campus em Estância busca promover o desenvolvimento sustentável da região Sul por meio da oferta de cursos e programas que possibilitem a qualificação técnica e inclusão social da população e, concomitantemente, através da realização de pesquisas e de inovações tecnológicas que possibilitem a supressão das principais demandas socioeconômicas regionais. Os cursos ofertados atualmente são de Eletrotécnica, Edificações, Recursos Pesqueiros, Aquicultura e Engenharia Civil.

Em outubro de 2014 o Campus Estância foi transferido das instalações provisórias na antiga Escola de Comércio para o bairro Cidade Nova. O novo prédio é dotado de três blocos com 12 salas de aula para até 50 alunos, 13 laboratórios, biblioteca, cantina, área de convivência e mais a área administrativa, que inclui, entre outras coisas, auditório, sala dos professores, departamento médico, setor financeiro e de apoio ao ensino. O terreno tem cerca de 55 mil m2, dos quais 5.597,65 m2 são de área construída. A estrutura tem capacidade para receber 1.200 estudantes, nos três turnos, o que irá mais que dobrar a capacidade atual.

Duração: 5 anos (graduação)





 

  Mercado de trabalho

O engenheiro civil é um profissional que pode atuar em diversas áreas. A matriz curricular do curso fornece os conhecimentos necessários para o desenvolvimento de habilidades que possibilitam ao egresso:
• realizar análise da viabilidade econômica e financeira de empreendimentos na construção civil;
• habilidades na utilização de softwares específicos;
• coordenar a concepção dos projetos, de olho na produção e na pós-ocupação dos empreendimentos da engenharia civil, procurando retroalimentar toda a cadeia de projetos, girando o PDCA;
• elaborar anteprojetos e projetos executivos nas áreas de construção, estradas, transportes e saneamento compatíveis com as habilitações legais normatizadas pelo sistema CONFEA/CREA;
• capacidade tecnológica sistêmica de engenharia civil e instalações pertinentes à construção civil e demais áreas, durante o processo de coordenação de todos os projetos;
• capacidade de concepção, elaboração e gestão de projetos na área da engenharia civil visando os aspectos: executivo, tecnológico, financeiro, econômico, inclusão dos preceitos da qualidade e produtividade dos produtos e serviços, sustentabilidade do meio ambiente e responsabilidade social, racionalização construtiva e inovação tecnológica, otimizando as soluções técnicas consensadas;
• capacidade de avaliar os custos das decisões dos projetos, tais como: custos das decisões arquitetônicas, estruturais e demais subsistemas da construção civil; custos das decisões dos projetos de estrada, transporte e saneamento;
• capacidade de escolher, racionalizar e inovar sistemas construtivos de edificações, estradas, transportes e saneamento, compatíveis com às habilitações legais normatizadas pelo sistema CONFEA/CREA;
• habilidade no uso dos indicadores de qualidade e produtividade dos projetos;
• habilidade no uso de softwares de comunicação entre projetistas durante os procedimentos de gestão e no processo de compatibilização de projetos, tendo em vista a eliminação de patologias futuras, os custos e os tempos colimados na análise de viabilidade dos empreendimentos da engenharia civil;
• habilidades nos softwares CAD;
• conhecimento das responsabilidades civis e criminais no desempenho profissional de projetos;
• capacidade de conceber, projetar, planejar e gerenciar canteiros de obras, projetando as centrais de produções, dimensionando equipes de produção e equipamentos; o projeto do canteiro e a NR-18;
• capacidade de planejar, programar e controlar todas as etapas de produção, usando softwares específicos;
• capacidade de gestão da produção através de modernos sistemas administrativos com os acompanhamentos dos custos e tempos demandados;
• capacidade de gestão integrada da produção com a qualidade, produtividade, segurança e higiene ocupacional observando toda a legislação ambiental;
• capacidade de gestão dos diversos insumos (mão-de-obra, materiais e equipamentos) bem como a logística da produção;
• capacidade de gestão de tecnologias aplicadas à produção na engenharia civil;
• liderança e organização comportamental;
• conhecimento da legislação trabalhista e ocupacional na engenharia civil;
• análise e adequação do desempenho dos diversos sistemas construtivos nas áreas de construção, estradas, transportes e saneamento, visando a vida útil projetada;
• avaliação pós-uso das soluções adotadas na fase de concepção dos projetos e produção, principalmente com foco nas patologias e no conforto do ambiente construído;
• inferência dos custos das manutenções corretivas e preventivas prediais.

 

  Matriz curricular

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL

1º Período

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Introdução à Ciência da Computação

Processo Seletivo

12

60

72

60

04

 

Inglês Instrumental

Processo Seletivo

12

24

36

30

02

 

Cálculo I

Processo Seletivo

24

84

108

90

06

 

Vetores e Geometria Analítica

Processo Seletivo

12

60

72

60

04

 

Metodologia Científica

Processo Seletivo

18

36

54

45

03

 

Fundamentos de Química

Processo Seletivo

24

48

72

60

04

 

Introdução à Engenharia Civil

Processo Seletivo

18

36

54

45

03

Carga Horária Total .................................................

144

348

468

390

26

 

2º Período

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Física I

Cálculo I, Vetores e Geometria Analítica

12

60

72

60

04

 

Física Experimental I

Cálculo I, Vetores e Geometria Analítica

24

12

36

30

02

 

Cálculo II

Cálculo I, Vetores e Geometria Analítica

24

84

108

90

06

 

Probabilidade e Estatística

Cálculo I

24

48

72

60

04

 

Cálculo Numérico

Introdução à Ciência da Computação

12

60

72

60

04

 

Ferramenta Computacional(*)

ProcessoSeletivo

24

12

36

30

02

 

Expressão Gráfica(*)

ProcessoSeletivo

45

09

54

45

03

 

Pesquisa Operacional

Cálculo I

18

36

54

45

03

Carga Horária Total..........................................

183

321

504

420

28

(*) Disciplinas de correquisitos.

 

3º Período

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Física II

Física I e Cálculo II

12

60

72

60

04

 

Física Experimental II

Física I e Física Experimental I

24

12

36

30

02

 

Cálculo III

Cálculo II

12

60

72

60

04

 

Equações Diferenciais Ordinárias

Cálculo II

24

84

108

90

06

 

Geologia para Engenharia

Processo Seletivo

18

36

54

45

03

 

Isostática

Vetores e Geometria Analítica e Cálculo II

24

48

72

60

04

 

Topografia

Expressão Gráfica

24

48

72

60

04

 

Desenho Arquitetônico

Expressão Gráfica e Ferramenta Computacional

44

10

54

45

03

Carga Horária Total...........................................

182

358

540

450

30

 

4º Período

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Física III

Física II e Equações Diferenciais Ordinárias

10

62

72

60

04

 

Física Experimental III

Física II e Física Experimental II

30

06

36

30

02

 

Humanidades e Cidadania

Processo Seletivo

18

36

54

45

03

 

Mecânica dos SolosI

Geologia para Engenharia

18

36

54

45

03

 

Materiais de Construção I

Fundamentos de Química

24

48

72

60

04

 

Resistência dos Materiais I

Isostática e Equações  Diferenciais Ordinárias

10

62

72

60

04

 

Optativa I

(*)(**)

(*)(**)

(*)(**)

54

45

03

Carga Horária Total...........................................

-

-

414

345

23

 

5º Período

Códigoda Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Eletricidade

Processo Seletivo

12

24

36

30

02

 

Mecânica dos Fluidos

Física I e Cálculo II

18

36

54

45

03

 

Estradas

Topografia

10

44

54

45

03

 

Mecânica dos Solos II

Mecânica dos Solos I

18

36

54

45

03

 

Materiais de Construção II

Materiais de Construção I e Resistência dos Materiais I

18

36

54

45

03

 

Hiperestática

Resistência dos Materiais I e Equações Diferenciais. Ordinárias

24

48

72

60

04

 

Resistência dos Materiais II

Resistência. dos Materiais I e Equações.Diferencias Ordinárias

22

68

90

75

05

 

Engenharia Econômica

Cálculo II e Pesquisa Operacional

24

48

72

60

04

Carga Horária Total..........................................

146

340

486

405

27

 

6º Período

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Hidráulica

Mecânica dos Fluidos

24

48

72

60

04

 

Hidrologia

Mecânica dos Fluidos

18

36

54

45

03

 

Fundações I

Mecânica dos Solos II

18

36

54

45

03

 

Instalações Elétricas Prediais

Eletricidade, Desenho Arquitetônico

36

18

54

45

03

 

Concreto Armado I

Materiais de Construção II, Hiperestática e Resistência dos Materiais II

18

36

54

45

03

 

Engenharia de Segurança do Trabalho e Higiene Ocupacional

Processo Seletivo

18

36

54

45

03

 

Engenharia do Produto

Engenharia Econômica

18

36

54

45

03

CargaHoráriaTotal...........................................

150

246

396

330

22

 

7º Período

Códigoda Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Sistema de Abastecimento de Água

Hidráulica

18

36

54

45

03

 

Instalações Hidrossanitárias  Prediais

Hidráulica, Desenho Arquitetônico

18

36

54

45

03

 

Sistemas Construtivos I

Concreto Armado I, Fundações I, Instalações Elétricas Prediais, Topografia e Desenho Arquitetônico

24

48

72

60

04

 

Concreto Armado II

Concreto Armado I

18

36

54

45

03

 

Fundações II

Fundações I

18

36

54

45

03

 

Instalações Especiais

Instalações Elétricas Prediais e Mecânica dos Fluidos

18

36

54

45

03

 

Sistemas Urbanos de Água e Esgoto

Hidráulica

24

48

72

60

04

 

Transportes

Estradas

18

36

54

45

03

Carga Horária Total...........................................

156

312

468

390

26

 

8º Período

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Análise Estrutural

Hiperestática

12

24

36

30

02

 

Sistemas Construtivos II

Sistemas Construtivos I

18

36

54

45

03

 

Ética Profissional e Responsabilidade Social

Processo Seletivo

10

26

36

30

02

 

Estruturas Metálicas

Resistência dos Materiais II e Hiperestática

18

36

54

45

03

 

Estruturas de Madeira

Resistência dos Materiais II e Hiperestática

18

36

54

45

03

 

Concreto Armado III

Concreto Armado II

18

36

54

45

03

 

Orçamento de Obras

Sistemas Construtivos I

24

30

54

45

03

 

Gestão de Projetos

Sistemas Construtivos I, Concreto Armado II, Fundações II, Sistemas Urbanos de Água e Esgoto, e Engenharia do produto

18

36

54

45

03

 

Administração e Empreendedorismo

Introdução à Engenharia Civil

24

48

72

60

04

Carga Horária Total...........................................

160

308

468

390

26


º Período

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

Carga Hora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

Gestão da Manutenção Predial

Materiais de Construção II, Sistemas Construtivos II, Concreto Armado II, Fundações II, Sistemas Urbanos de Água e Esgoto e Orçamento de obras

18

36

54

45

03

 

Patologia das Construções

Materiais de Construção II, Concreto Armado II, Fundações II e Sistemas Construtivos II

18

18

36

30

2

 

Planejamento e Gestão na Produção de Edifícios

Orçamento de Obras, Sistemas Construtivos II, Concreto Armado II e Fundações II

24

48

72

60

04

 

Gestão Ambiental

Sistemas Construtivos II e Sistemas Urbanos de Água e Esgoto

18

36

54

45

03

 

Gestão da Qualidade Integrada

Administração e Empreendedorismo

18

36

54

45

03

 

TCC I

208 créditos

18

18

36

30

02

 

Optativa II

(*)(**)

(*)(**)

(*)(**)

54

45

03

Carga Horária Total...........................................

-

-

360

300

20

 

10º Período

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

CargaHora-aula

Hora- Relógio

Créditos

Prática

Teoria

Total

 

TCC II

TCCI e 228 créditos

36

18

54

45

03

 

Optativa III

(*) (**)

(*)(**)

(*)(**)

54

45

03

 

Optativa IV

(*) (**)

 

Optativa V

(*) (**)

 

Logística e Projeto de Canteiros

Planejamento e Gestão da Produção de Edifícios e Orçamento de Obras

18

36

54

45

03

 

Estágio Supervisionado

208 créditos (***) +8º período integralizado.

252

36

288

240

16

CargaHoráriaTotal......................................................

316

134

450

375

25

 

Disciplinas Optaivas

4º, 9º e 10º Períodos

Código da Disciplina

Disciplinas

Pré-Requisitos

CargaHora-aula

Hora- Relógio mínima

Créditos mínimos

Prática

Teoria

Total

 

Edifícios Inteligentes

Instalações Especiais

15

39

54

45

03

 

Gestão de Empresas Construtoras

Engenhariade Segurança do Trabalho e Higiene Ocupacional; Gestão da Qualidade Integrada; Gestão de Projetos; Gestão Ambiental; Planejamento e Gestão na Produção de Edifícios.

15

39

54

45

03

 

Tópicos Especiais em Construção Civil

 

 

 

 

 

 

 

Tópicos Especiais em Gestão

 

 

 

 

 

 

 

Tópicos Especiais em Topografia

-

 

 

 

 

 

 

Fontes Alternativas de Energiana Construção Civil

Instalações Especiais

15

39

54

45

03

 

Tópicos Especiais de Materiais

-

 

 

 

 

 

 

Saneamento Ambiental

Hidráulica

15

39

54

45

03

 

Tópicos Especiais em Arquitetura

-

 

 

 

 

 

 

Tópicos Especiais de Estruturas

-

 

 

 

 

 

 

Obras Hidráulicas

Sistemas Urbanos de Água e Esgoto, Sistema de Abastecimento de Água

15

39

54

45

03

 

Tópicos Especiais em Águas

-

 

 

 

 

 

 

Pontes

Análise Estrutural e Concreto Armado III

15

39

54

45

03

 

Pavimentação

Estradas

15

39

54

45

03

 

Terraplenagem

FundaçõesII

15

39

54

45

03

 

Tópicos Especiais de Geotecnia

-

 

 

 

 

 

 

ÁlgebraLinear

ProcessoSeletivo

27

81

108

90

06

 

Equações Diferenciais Parciais

Equações Diferenciais Ordinárias

18

54

72

60

04

 

Matemática Financeira

Processo Seletivo

15

39

54

45

03

 

Introdução a Língua Brasileirade Sinais –Libras

Processo Seletivo

15

39

54

45

03

 

 

  Infraestrutura

Aguardando informações.

 

  Professores

ADRIANA VIRGÍNIA SANTANA MELO
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/9372216365695042)
Professora do Curso de Engenharia Civil do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Sergipe. Área de atuação: Gestão de Resíduos da Construção Civil, Materiais de Construção. Mestre em Engenharia Ambiental Urbana.

ANDRE MACIEL PASSOS GABILLAUD
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/8957222332911679)

Mestre em Engenharia de Produção (UFPE), Especialista em Gerência de Projetos com certificação PMP (Project Management Professional), Graduado em Engenharia de Produção. Possui 16 anos de experiência em organizações como: AMBEV, SANTISTA TÊXTIL atual TAVEX BRASIL, PETROBRAS (Grupo AeC) e G BARBOSA. Em todas elas desenvolvendo trabalhos relacionados na área de gerenciamento da rotina (Controle de Indicadores, Padronização, gestão de anomalias, processos de auditoria em normas de sistemas de gestão ISO 9000, 14000 e OHSAS 18000), Gerenciamento de Projetos (Implementação de sistemáticas de gerenciamento, metodologias e PMO), CEP, Layout, Organização de Sistemas e Métodos, Estudos de Tempos e Movimentos. Atualmente como professor de disciplinas de Engenharia e Administração nas instituições de ensino, FANESE, IFS (Instituto Federal de Sergipe)

ANDREA SANTANA TEIXEIRA LINS
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/7649767192723613)
Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Sergipe (1990) e mestrado em Geotecnia pela Universidade de Brasília (1994). Atualmente é engenheira civil no cargo de gerente da qualidade da Construtora Celi Ltda., sendo responsável pelo sistema de gestão integrado (SGI) da empresa, professora do curso de Engenharia Civil da Associação de Ensino e Cultura Pio Décimo (Campus III) atuando como professora nas disciplinas Hidrologia e Mecânica dos Solos II, e professora efetiva do curso de Engenharia Civil do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe (IFS) atuando como professora nas disciplinas Geologia para Engenharia, Mecânica dos Solos II, Fundações II, Gestão da Manutenção Predial, Gestão de Empresas Construtoras e Tópicos Especiais de Geotecnia. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Geotecnia.

CARLA CRISTINA NASCIMENTO SANTOS PEREIRA
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/4792521508619461)
Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Sergipe (2000), mestrado em Estruturas e Construção Civil pela Universidade de Brasília (2003) e doutorado em Estruturas e Construção Civil pela Universidade de Brasília (2008). Atualmente é professor do ensino básico, técnico e tecnológico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe, atuando principalmente nos seguintes temas: concretos, compósitos para fundações, argamassa revestimento propriedades reologia.

CARLOS HENRIQUE DE CARVALHO
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/0357738836773090)
Graduado em ENGENHARIA CIVIL pela Escola Politécnica pela Universidade Federal da Bahia (1968), graduado em DIREITO - pela Estácio de Sá Faculdade de Sergipe (2011), Mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal da Bahia (1998) e Doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de Sergipe (2014).Professor Emérito da UFS e atualmente é professor do Instituto Federal de Sergipe na graduação ENGENHARIA CIVIL. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em construções, gestão de projetos, gestão pública e perícias nas construções.

EMILIANA DE SOUZA REZENDE GUEDES
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/1615237327355992)

Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Sergipe (2003) e mestrado em Engenharia Civil pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2005). Atualmente é professora efetiva do Instituto Federal de Sergipe e líder do grupo de pesquisa Geotecnia. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Geotecnia, atuando principalmente nos seguintes temas: Mecânica dos Solos, Fundações, Obras de Terra e Ensaios de Laboratório.

EULER WAGNER FREITAS SANTOS
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/6185369316863658)

Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Sergipe (2004) e mestrado em Engenharia Civil (Área de Estruturas) pelo Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia COPPE-Universidade Federal do Rio de Janeiro (2006), além de Graduado no programa de Formação Pedagógica para Formadores de Educação Profissional, pela UNISUL (2008). Atualmente é Professor efetivo do curso de Engenharia Civil do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe - campus Aracaju, atuando também como Gerente de Graduação desse campus. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Estruturas de Concreto, atuando principalmente nos seguintes temas: Ensino, Estruturas em concreto armado, Materiais de Construção e Projetos. Além disso tem vasta experiência como gestor de ensino, sendo coordenador do curso de Engenharia Civil, entre 2009 e 2013, e gerente de graduação desde 2013, cargo que ainda ocupa. Membro do Grupo de Pesquisa Gestão e produção na engenharia civil - IFS, Linha de Pesquisa: Materiais e estruturas.

JOSE RESENDE GOES
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/5345549591315926)
Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal da Bahia (1972), graduação em Curso de Licenciatura Plena pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (1989), mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal da Bahia (2000) e doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de Sergipe (2014). Atualmente é professor concursado do Instituto Federal de Sergipe. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Engenharia Civil, atuando principalmente nas seguintes áreas: Planejamento e Controle de Obras, Técnicas Construtivas, Orçamento de obras, Transportes, Mobilidade, Ciclovias, Argilas e Revestimento Cerâmico.

LOUISE FRANCISCA SAMPAIO BRANDÃO
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/6481560013571643)
Possui graduação em ENGENHARIA CIVIL pela Universidade Federal de Sergipe (2005) e Mestrado em Saneamento, Meio Ambiente e Recursos Hídricos pela Universidade Federal de Minas Gerais (2008). Tem experiência na área de Engenharia Sanitária, com ênfase em Saneamento, atuando principalmente nos seguintes temas: lagoas de estabilização e resíduos sólidos urbanos. Professora efetiva do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe, Campus Aracaju.

LUIZ ALBERTO CARDOSO DOS SANTOS
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/1805466122983852)

Mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) - Campus Ponta Grossa (2008), na linha de pesquisa de Gestão do Conhecimento e Inovação. Graduação em Licenciatura Plena para a Graduação de Professor pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (1992). É Professor efetivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe - Campus Aracaju.

MARCÍLIO FABIANO GOIVINHO DA SILVA
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/6224779950942899)

Graduado em Engenharia Civil (bacharelado) pela Universidade Federal de Alagoas (2010), Mestre em Engenharia Civil / Estruturas pela Universidade Federal de Alagoas (2012), tendo participado do Programa de Recursos Humanos (PRH-40) da ANP (Pós-Graduação em Petróleo e Gás) (2012). Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Análise e Dimensionamento de Estruturas (Concreto armado, Aço e Madeira), Análise de Tensões e Deformações, Simulação Numérica via Métodos dos Elementos Finitos (MEF), Análise Experimental de Matrizes Cimentícias, Materiais Compósitos, Análise Experimental de Solos Reforçados. Atualmente, é professor efetivo do curso de Engenharia Civil do Instituto Federal de Sergipe, tendo ministrado as disciplinas: Análise Estrutural, Hiperestática, Concreto Armado I, Concreto Armado II, Estruturas Metálicas, Estruturas de Madeira e Tópicos Especiais de Estruturas (Alvenaria Estrutural).

PABLO GLEYDSON DE SOUSA
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/0050697371737588)

É doutor em Arquitetura (2014) pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN. Desenvolvendo pesquisas na área de Teoria da Arquitetura, especificamente na Teoria do Projeto com estudo de caso em Projeto e Representação. Desde 2009 coordena o Grupo de Pesquisa Projeto, Paisagem e Sustentabilidade (cadastrado no CNPq) do Instituto Federal de Sergipe - IFS. Desenvolve pesquisas de inovação tecnológica que tenham por objeto o projeto de arquitetura, suas representações e tecnologia, contexto em que estabeleceu parcerias com o IPHAN/SE (2011 a 2016) visando transportar projetos de edificações tombadas do papel para vias contemporâneas; e com o Laboratório de Conforto do Curso de Arquitetura e Urbanismo da UFRN (2016 ao presente) visando desenvolvimento de projeto de moradia para populações em situação de vulnerabilidade social. Como arquiteto (UFRN/2005) atuou desenvolvendo projetos e consultoria para iniciativa pública e privada com ênfase em edificações públicas de ensino técnico e superior, edificações multi-familiares de grandes dimensões, resorts e hotelaria. Como professor efetivo do IFS: integra o corpo docente do curso de Engenharia Civil do campus Aracaju (2009 ao presente) e é Chefe do Departamento de Projetos da Reitoria (2013 ao presente); entre 2009 e 2011 realizou atividades de extensão com prestação de serviços técnicos especializados, sem fins lucrativos, para populações em vulnerabilidade social visando atender os ditames da lei 11.888/2008; e foi Diretor de Planejamento de Obras e Projetos da Reitoria de 2011 a 2013.
RODOLFO SANTOS DA CONCEIÇÃO
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/1742841586316002)

Possui Mestrado em Engenharia Civil na área de Estruturas e Materiais pelo Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia - COPPE/UFRJ (2013) e Graduação em Engenharia Civil pela Faculdade Pio X (2010). Atualmente é professor e coordenador do curso de Engenharia Civil do Instituto Federal de Sergipe (IFS).
TATIANA MÁXIMO ALMEIDA ALBUQUERQUE
(link currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/6138732425571608)

Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal da Paraíba (2001), mestrado em Engenharia Civil e Ambiental pela Universidade Federal de Campina Grande (2004) e doutorado em Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2010). Atualmente é professora efetiva do curso de Engenharia Civil do Instituto Federal de Sergipe (Aracaju- SE). Tem experiência na área de Engenharia Sanitária, com ênfase em Planejamento Integrado dos Recursos Hídricos, atuando principalmente nos seguintes temas: gestão de secas, gestão de recursos hídricos, uso racional de água, índices de seca e seca.

 

 

 

  Contato

Telefone: 79 – 3711 3219
Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Coordenador: Prof. M.Sc. Rodolfo Santos da Conceição

Campus Estância:

Carlos Mariano Melo Júnior
Telefone: (79) 3711-3291
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

 

  PPC

Leia aqui o PPC (Projeto Pedagógico do Curso)

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página